AQUAMAN: James Cameron diz que achou filme divertido, mas que não dirigir um longa do tipo

12 de fevereiro de 2019 Diego Domingos
James Cameron

James Cameron

Yeeeeeeeah, Cinemaster. Afinal, James Cameron é um dos poucos diretores que trabalha com suas próprias ideias e muito, muito dinheiro e orçamento. James Cameron é O cara, Cinemaster. E em conversa com o Yahoo!, James Cameron destacou dois pontos positivos e um negativo com relação a Aquaman.

O primeiro positivo é que é um filme realmente divertido e o segundo ponto é a abordagem das questões ecológicas, principalmente, ligadas ao vilão da trama, o Rei Orm.

E a crítica negativa Cinemaster vem com relação ao fato da história ser um espécie de união de um mito grego com um conto de fadas, algo que James Cameron não curte de forma alguma porque ele gosta de histórias que podem ser reais, que realmente podem acontecer.

De quebra, Cameron disse que passou muito tempo trabalhando nas cenas de Avatar 2, 3, 4 e 5 – em que boa parte deles se passa debaixo d’água – e que Aquaman não serviu de inspiração, sobretudo, porque ele já tinha definido o seu estilo altamente real e original de filmar essas cenas. =D Eu sou fascinado por esse cara, simples assim (hahaha). =D

AQUAMAN: Spin-off é a mesma ganância que fez a DC afundar anos atrás

AQUAMAN [REVIEW]: Uma experiência cinematográfica

Com direção de James Wan e roteiro de David Leslie Johnson-McGoldrick e Will Beall, Aquaman conta com Jason Momoa, Amber Heard, Willem Dafoe, Patrick Wilson, Nicole Kidman, Dolph Lundgren e Yahya Abdul-Mateen II no elenco principal.