ERA UMA VEZ EM… HOLLYWOOD: Esposa de Roman Polanski critica Tarantino por Sharon Tate no filme

25 de maio de 2019 Diego Domingos
Once Upon a Time in Hollywood

Once Upon a Time in Hollywood

Cinemaaaaaaaaaster, e olhe que Era Uma Vez Em… Hollywood só estreia nos Estados Unidos daqui a dois meses, e no Brasil daqui a três. Depois de ter sido apresado em sessão única no Festival de Cannes, a produção vem recebendo críticas positivas e negativas da imprensa mundial. E até a esposa de Roman Polanski, Emmanuelle Seigner, entrou nas várias polêmicas ao redor do filme.

Em um post no Instagram Cinemaster, Emmanuelle criticou Tarantino por ele não ter consultado Polanski sobre a sua recriação e a de Sharon Tate para Era Uma Vez Em… Hollywood. 

“Eu apenas vou dizer que não os incomoda (em Hollywood) fazer um filme que leve Roman e sua trágica história… enquanto ao mesmo tempo eles fizeram dele uma pária. E tudo sem consultá-lo, é claro.”

Comentário no mínimo curioso tendo em vista que Roman tem um papel mega pequeno em Era Uma Vez Em… Hollywood. E sobre o consultá-lo, Quentin disse na coletiva de imprensa que realmente não conversou com Polanski sobre como ele iria retrará-lo e como iria retratar Sharon Tate. Cinemaster, alguém realmente acha que Tarantino, sendo Tarantino, iria perguntar algo do tipo?! Todos os personagens, reais ou não, têm o estilo Tarantino de serem retratados, afinal, é um filme de ficção. Caso contrário, seria documentário!

ERA UMA VEZ EM… HOLLYWOOD: Análise take a take do primeiro trailer

Era Uma Vez… em Hollywood – Conheça a história

Na trama, descrita por Tarantino como sendo ambientada na Los Angeles dos anos 1969, no auge do Hollywood Hippy, os dois personagens principais são: Rick Dalton (Leo DiCaprio), uma ex-estrela de série de TV de faroeste e seu dublê, Cliff Booth (Brad Pitt). Ambos estão tentando fazer algo em Hollywood que eles não reconhecem mais. A grande sacada da trama Cinemaster é que Rick tem uma vizinha muito famosa, ninguém menos que Sharon Tate (Margot Robbie), que é brutalmente assassinada pela família Manson. =D Tarantino disse no começo do ano Cinemaster que trabalhou no roteiro da produção por nada menos que cinco anos.

“Ambientado no verão de 1969, em Los Angeles, o próximo longa de Tarantino, de acordo com a fonte que leu o roteiro, foca em um ator de TV que teve uma série de sucesso e que está procurando uma maneira de entrar na produção de longas-metragens. Seu companheiro – que também é seu dublê – está à procura do mesmo trabalho. O horrível assassinato de Sharon Tate pelas mãos de quatro seguidores de Charles Manson serve como pano de fundo para a história principal”. Wooooow, Cinemaster. Mais do que sensacional, uma trama verídica ao fundo para desenvolver uma história de ficção na frente. Shoooow de bola. Tarantino, é Tarantino. Tô louco pra conferir Quentin de volta a Los Angeles, onde sua carreira realmente começou. =D

Era Uma Vez… em Hollywood tem estreia confirmada no Brasil para 15 de agosto.