GAMBIT: Filme seria ambientado nos anos 70 e teria O Poderoso Chefão como inspiração

15 de março de 2019 Diego Domingos
Gambit

Gambit

Sim, sim, Cinemaaaaaaaaster. Era um tanto óbvio que Rupert Wyatt não iria fazer apenas um filme adaptado de HQ. Principalmente porque ele é altamente original, basta conferir o primeiro Planeta dos Macacos na nova trilogia. E Cinemaster, o seu Gambit seria sensacional!

Em conversa com o Collider, Rupert Wyatt revelou que o Gambit que ele e Channing Tatum estavam planejando iria se passar nos anos 70 e mais ainda, O Poderoso Chefão seria a inspiração-mestre para o filme.

“Sim, seria um filme de assalto. Quero dizer, seria um filme de época. Seria ambientado nos anos 70 e seguiria até os dias de hoje. era sobre o tipo de gangues mutantes e a noção do que significa pertencer a um desses grupos. E seria ambientado em Nova Orleans, então, teria sido um filme realmente divertido. Eu sei que Channing trabalhou no roteiro para fazer mais uma comédia romântica. Mas o que eu li era ótimo, era muito atraente e diferente do que eu estava envolvido. Mas agora a Disney tem as rédeas, então eu não sei quais são seus planos.”

Rupert disse ainda Cinemaster que o orçamento de Gambit nunca chegou perto de US$ 150 milhões, e que a Fox queria iniciar a pré-produção antes mesmo da história ter sido finalizada, mas ele e Channing Tatum não queriam isso pelo seguinte motivo: “O que acontece com esse tipo de processo é o seguinte, que se você não tiver os patos em fileira, tudo depois será jogado na parede e certas pessoas irão criticar que você gastou US$ 150 milhões, apesar do novo orçamento nunca ter chegado perto disso. Agora, como cineasta, já passei por esse processo e é muito difícil terminar com um trabalho que realmente funcione sem que ele tenha uma história já finalizada no começo. Então, eu, Channing e os produtores do projeto não queríamos passar por essa experiência. Queríamos fazer um filme e entregar isso, então todo o processo de refilmagem, tudo isso era algo que não queríamos passar, não queríamos ir por esse caminho.”

Pois é, Cinemaster. Ou seja, agora eu e você temos a certeza de que Rupert Wyatt estava desenvolvendo um espetacular e mega original filme solo de Gambit. Levando em conta que a Disney vai manter o selo Fox para filmes que o Mickey Mouse não produziria, assim como a franquia Deadpool, pode ser que Gambit ainda possa acontecer, Cinemaster. Tomara que sim!

Gambit nas HQs

Abandonado na maternidade por conta dos seus olhos de mutante, Gambit Cinemaster foi adotado por Jean Luc LeBreau, chefe do Guilda de Ladrões, um grupo de crime organizado sediado em Nova Orleans. Só que Cinemaster, como a Liga dos Ladrões disputava domínio com os Assassinos – um outro grupo de criminosos – um casamento foi trabalhado para que selasse a paz entre as duas organizações. Dessa forma, Gambit foi prometido a casado para Bella Donna Boudreaux, neta do chefe dos Assassinos. No entanto, o irmão de Bella, Julian, não gostou do tratado e para testar Gambit o atraiu para um duelo. E como o mutante praticamente matou Julien, ele foi obrigado a fugir de Nova Orleans, o que colocou os dois grupos novamente em um grande confronto. E é a partir daí que Gambit começa a sua vida ainda mais profunda no mundo do crime.

Gambit nos filmes

Gambit Cinemaster já apareceu – em uma versão completamente bizarra – em X-Men Origens: Wolverine, interpretado por Taylor Kitsch.

E o filme solo do personagem, na pele de Channing Tatum, está em desenvolvimento desde 2014!!!