VENOM: Ruben Fleischer comenta sobre um dos furos do roteiro

11 de outubro de 2018 Diego Domingos
Venom - Tom Hardy e Michelle Williams

Venom – Tom Hardy e Michelle Williams

Woooooooooow, Cinemaster. Já falei várias e várias vezes aqui que Venom tá longe de ser um Vingadores – Guerra Infinita, mas ainda assim é um bom filme.

De qualquer forma, tem um furo logo no começo do filme que fica um tanto claro pra quem conferiu a produção.

Isso porque logo depois da simbionte de Riot passar da paramédica para o corpo de uma senhorinha na Malásia, Venom dá um salto no tempo de seis meses.

Pois bem, esse salto passa para Eddie Brock e passa para a senhorinha também. Mas, durante todo esse tempo, Riot simplesmente não conseguiu se adaptar ao corpo dela?!

Tudo bem que ele tinha uma missão que era chegar até Venom, que estava do outro lado do mundo em São Francisco, mas ainda assim é um furo.

E em conversa com o Total Film, Ruben Fleischer explicou o seguinte:

“Nossa ideia era que Riot estava usando a força vital de quem quer que ele levasse, então ele pulou da nave quando os consumiu e depois encontrou um novo hospedeiro para levá-lo ainda mais em sua jornada. Essa é uma boa pergunta. Esse é um dos nossos poucos furos. Mas nós tivemos que ter uma passagem de tempo para mostrar a queda de Eddie, e essa era a única coisa que não acompanhava a história totalmente. Mas eu gosto de pensar na ideia de que ele estava apenas matando mais pessoas durante esse período na Malásia.” =D

VENOM: Um bom filme, mas para os anos 2000

Venom contará com Tom Hardy no papel título e Ruben Fleischer na direção. Vale lembrar Cinemaster que o personagem veio em Homem-Aranha 3 na pele de Topher Grace. Venom já está disponível nos cinemas brasileiros!