VINGADORES – ULTIMATO: Marvel esperava US$ 900 milhões nos EUA e US$ 2.8 bilhões mundiais

24 de maio de 2019 Diego Domingos
Vingadores - Ultimato

Vingadores – Ultimato

Wooooooooooow, Cinemaster. Eu e você já vimos aqui no #CinemaNews que a vice-presidente do departamento financeiro da Walt Disney revelou na reunião para investidores, no começo de maio, que apesar da bilheteria de Vingadores – Ultimato, na época em US$ 2.4 bilhões, ser grande, ela não seria tão gigantesca em termos de retorno sob o investimento. A vice-presidente disse ainda que um filme de 3 horas de duração, mais um elenco gigantesco como o de Ultimato trouxe um investimento gigantesco para a Walt Disney. 

A estimativa Cinemaster é que Vingadores – Guerra Infinita e Vingadores – Ultimato, juntos, tenham custado uma quantia ao redor de US$ 800 milhões a US$ 1 bilhão.

Mediante isso, e passado agora todo o “boom” ao redor de Vingadores – Ultimato, é hora de analisar a bilheteria da produção em todas as suas minúcias. Afinal, o filme da Marvel Studios ainda não cumpriu o seu principal objetivo, se tornar a maior bilheteria mundial. A produção está esbarrada nos US$ 2.7 bilhões de Avatar. Pode parecer pouca uma diferença de US$ 170 milhões. Mas ela é gigantesca Cinemaster quando se leva em conta que Ultimato já não é mais assunto no mundo. Na Ásia, vários outros filmes já estão em destaque.

Na Europa, a expectativa é por Aladdin e Toy Story 4. E aqui nas Américas, todo mundo já assistiu Vingadores – Ultimato e todo mundo, pelo menos eu acredito nisso, também tem carinho pelo seu dinheiro e possivelmente deve ter assistido Ultimato entre uma a três vezes. Mas se você passou disso, parabéns, você é rico (hahahahah).

Pois bem, com isso Cinemaster o The Playlist fez uma matéria bem interessante, ouvindo vários analistas do mercado americano e, pelas estimativas internas da Marvel Studios, a expectativa era que Vingadores – Ultimato já estivesse na casa – ou muito perto – dos US$ 900 milhões nos Estados Unidos, ou seja, próximo de bater Star Wars – O Despertar da Força. E mundialmente, a produção já deveria ter chegado ou deveria estar se encaminhando para US$ 2.8 bilhões, batendo assim Avatar e já abrindo uma vantagem de US$ 100 milhões em cima do filme de James Cameron.

Como justificativa, o The Playlist que em linhas práticas o que aconteceu foi o seguinte: Vingadores – Ultimato estreou muito, muito forte, com US$ 357 milhões nos Estados Unidos e um total de US$ 1.2 bilhão no primeiro fim de semana. Mas no segundo e no terceiro fim de semana a produção não conseguiu ter quedas pequenas, todas elas foram na casa dos 50%, o que é muito brusco para um blockbuster com pretensões tão gigantescas.

Mas é aquilo Cinemaster… todos esses números podem sofrer alterações, afinal, ninguém sabe o que vem por aí! Isso porque a Marvel Studios e a Walt Disney têm total ciência de todos esses dados, sobretudo, porque o filme fez hoje, dia 24, exatamente um mês nos cinemas mundiais. Ou seja, a Disney precisa tomar alguma atitude para que Vingadores – Ultimato tenha uma sobrevida a nível mundial. Com isso acontecendo, o The Playlist afirma que mais US$ 200 milhões podem vir. Dessa forma, unindo essa quantia aos US$ 2.6 bilhões atuais, Ultimato poderá chegar aos US$ 2.8 bilhões, ultrapassando assim Avatar e toda a história você já sabe bem!

VINGADORES – ULTIMATO: Todos os Recordes de Bilheteria

VINGADORES – ULTIMATO [REVIEW]: Um filme único na história do cinema

Estrelado por Robert Downey Jr., Chris Hemsworth, Mark Ruffalo, Chris Evans, Scarlett Johansson, Benedict Cumberbatch, Don Cheadle, Tom Holland, Chadwick Boseman, Paul Bettany, Elizabeth Olsen, Anthony Mackie, Sebastian Stan, Peter Dinklage, Danai Gurira, Letitia Wright, Dave Bautista, Zoe Saldana, Josh Brolin e Chris Pratt, com produção de Kevin Feige e direção de Joe e Anthony Russo, e roteiro escrito por Christopher Markus e Stephen McFeely, Vingadores – Ultimato já está em exibição nos cinemas brasileiros.