X-MEN: FÊNIX NEGRA: 10 Detalhes da Empire Magazine sobre o fim dos mutantes

15 de maio de 2019 Diego Domingos
X-Men: Fênix Negra

X-Men: Fênix Negra

Sim, sim, Cinemaaaaaaaaster. Ontem eu e você vimos aqui no #CinemaNews tudo o que a Empire Magazine trouxe sobre Homem-Aranha: Longe de Casa, e agora é hora de X-Men: Fênix Negra. Agora Cinemaster, só entre eu e você, não fique surpreso se depois do lançamento do filme surja um rumor de que o terceiro ato foi refilmado por conselho de Kevin Feige. Afinal, Fênix Negra foi filmado em 2017, um ano antes aquisição completa da Fox pela Disney. E justamente quando a compra está para ser concluída o terceiro ato é refilmado?!

Pois é! A indicação de Kevin Feige pode ter sido relacionada ao encerramento da franquia. Isso porque como X-Men: Fênix Negra realmente será o fim dos mutantes nas mãos da Fox, pode ser que o final original não encerrasse por completo, algo que ficou direcionado nas refilmagens.

Bom, partiu então conferir o que a Empire Magazine trouxe sobre X-Men: Fênix Negra:

O fim dos X-Men na Fox

Simon Kinberg: “Todos nós já fizemos as pazes com a ideia de que tivemos o nosso tempo com esses personagens. Se este realmente o nosso último, fizemos valer a pena. Então, eu me aproximei desse projeto como o culminar de um ciclo. É a história final dos X-Men. Eu não me aproximei disso com a ideia de ‘O que resta de história para contar depois disso? Não, eu coloquei todas as possibilidades na mesa.”

Fênix Negra em X-Men: O Confronto Final

Simon Kinberg: “Eu vivi com a culpa disso por muitos anos. Em algum lugar ao longo do caminho, não porque eu ache que o filme precisava disso, mas esse enredo foi imposto a todos nós que fizemos parte da equipe criativa. Então, embora existam outros elementos em X-Men 3 que para mim funcionaram muito bem, o tom do filme não é do meu gosto. Meu gosto é mais ousado e mais intenso. E sinto que não contamos uma autêntica história da Fênix Negra. Eu sempre quis, após o filme, ter outra chance de contar a história do jeito que eu pretendia contar inicialmente naquele filme.”

A vilã de Jessica Chastain

Jessica Chastain; “No começo houve a ideia de que ela seria como um anjo. Eu não tive que usar maquiagem alguma, ela é uma personagem que precisa olhar para um outro mundo, um mundo ainda humano. Você sabe o estereótipo do que acontece quando você tem tanto medo de que seu cabelo fique branco? Algo acontece com ela e é apenas uma emoção maior do que qualquer um de nós sentimos em nossas vidas. Ela tem um medo primitivo.”

P.S. Confusão legal, heim, Jessica?!

Jennifer Lawrece deu a ideia para Kinberg dirigir o filme

Simon Kinberg: “Ela disse: ‘Você deveria dirigir o próximo filme.’ Eu não tinha pensado nisso antes disso. Mas quando Jen comentou isso, eu senti que, se o próximo filme fosse algo que me fizesse ficar apaixonado pela história, eu não poderia pensar em nenhum primeiro filme melhor para dirigir.”

A morte da Mística

Simon Kinberg: “Eu queria que a presença deles no filme tivesse o peso de consequências dramáticas, o que não significa necessariamente que eles iriam morrer. Eu comecei a pensar sobre o que seria o filme, sobre Jean perdendo o controle, e como resultado, os X-Men seria divididos. E matar essa personagem transforma as pessoas a irem umas contra as outras de maneiras novas e interessantes. Além disso, se você mata alguém que o público espera que até então seria impossível de matar, eles não sabem quem será o próximo.”

A pressão por fazer de Fênix Negra um ótimo filme

“Trazer Jean Grey em Dias de um Futuro Esquecido foi o começo da tentativa de reverter o que nós trouxemos em O Confronto Final, até certo ponto. Mas sim, senti uma pressão extra em acertar nesse filme. A pressão de contar o que é, para mim, a maior história de super-heróis da história nos quadrinhos.”

X-Men: Apocalipse é realmente um filme ruim

Michael Fassbender: “[Apocalipse] não foi um filme muito bom. É difícil fazer esses filmes. Às vezes, não funcionam. É assim que acontece. Mas teria sido muito difícil dizer não sabendo que Kinberg estava por trás do filme. A entrada dele no filme parecia a coisa certa que estava acontecendo.”

Filme não é fiel aos quadrinhos

Simon Kinberg: “Há muitas coisas nos quadrinhos que não estão no filme, e há coisas que estão no filme e que não estão nos quadrinhos.” De quebra Cinemaster Kinberg confirmou que a Majestrix não está no filme: “Eu reduzi isso para tornar uma história baseada em personagens, algo mais emocional, esperançosamente relacionável. Isso é algo que eu sinto como se tivéssemos acertado em X3, a emoção de estar dentro da experiência de Jean. Não era realmente a história de Jean, ela foi o objetivo dessa história, não o assunto.”

Apesar do time de estrelas, é um filme de Sophie Turner

Kinberg: “Sophie Turner não é a maior estrela que temos no filme, mas o filme é inteiramente sobre ela, sobre Jean Grey. Ela está na maioria das cenas, ela tem mais diálogos, ela tem os arcos mais emocionantes.”

Charles será exposto

“Eu sempre achei que havia algo interessante sobre Charles tentando controlar algo que se torna incontrolável. E considerando que este filme pretende ser um filme moderno sobre uma personagem feminina fortalecida, eu senti que tinha que fazer isso e não apenas mencionar o que Charles faz com ela, mas expor isso e até mesmo difamá-lo.”

A visão de Simon Kinberg Cinemaster é bastante profunda e completa. Mas no final das contas, tudo isso é apenas um treino, porque o jogo mesmo é assistir a X-Men: Fênix Negra completo para analisar se a construção da narrativa, elementos técnicos, personagens e o conjunto da obra são realmente satisfatórios.

X-MEN: FÊNIX NEGRA: Análise take a take do segundo trailer

Jean Grey começa a desenvolver incríveis poderes que a corrompem e a transformam em uma Fênix Negra. Agora os X-Men terão que decidir se a vida de um membro da equipe vale mais do que todas as pessoas que vivem no mundo. Marcando sua estreia na direção Cinemaster, Simon Kinberg assina o comando do projeto, bem como o roteiro. E estão confirmados em X-Men: Fênix Negro: Jennifer Lawrence como Raven/Mística, James McAvoy como Charles Xavier, Tye Sheridan como Scott Summer/Ciclope, Jessica Chastain como a vilã Smith, Sophie Turner Jean Grey/Fênix, Michael Fassbender como Erik Lehnsherr/Magneto, Evan Peters como Peter Maximoff/Mercúrio, Kodi Smit-McPhee como Kurt Wagner/Noturno, Nicholas Holt como Hank McCoy/Fera e Alexandra Shipp como Ororo Munroe/Tempestade. E a estreia e X-Men: Fênix Negra Cinemaster tá agendada para 6 de junho de 2019!!!